Santa Helena: Retém Meio Milhão de Reais que iria para Brasília

Essa mudança na retenção de tributos para empresas que fornecem serviços à prefeitura trouxe um impulso financeiro considerável para Santa Helena.

Anuncie aqui

A retenção é sobre pagamentos efetuados a pessoas jurídicas pelo fornecimento de bens ou prestação de serviços pelos órgãos da administração pública direta dos estados, do Distrito Federal e dos municípios.

Santa Helena publicou ainda no mês de julho um decreto regulamentando a retenção do Imposto de Renda realizada pela prefeitura no pagamento de bens e serviços a fornecedores.

Com isso o município arrecadou no mês de julho, aproximadamente 200 mil a mais do que a média do primeiro semestre. Já no mês de agosto foram mais de 280 mil reais.

Esta ação não aumentou a carga tributária dos fornecedores, que apenas deixaram de arrecadar para a União e o dinheiro já está ficando no próprio município para ser utilizado em saúde, educação e outros setores preponderantes que beneficiam diretamente a população.

Anteriormente a União arrecadava e os valores entravam no bolo para depois serem distribuídos conforme a parcela que cabia a cada município. Hoje já fica de forma integral em Santa Helena.

A secretária de Finanças, Sandra Thibes comemorou o fato de o decreto já ter surtido efeito e colaborado para o incremento do orçamento local.

Secretária de Finanças, Sandra Thibes.
Anuncie aqui