Golpe no pix: Rapaz pede caipirinhas, envia comprovante falso e recebe drinks junto com polícia

Empresária conseguiu identificar que comprovante era falso e chamou a Guarda Municipal de São José dos Pinhais; o cliente foi preso.

(Foto: Ronaldo de Oliveira/ RICtv)
Anuncie aqui
Anuncie aqui

A noite de quinta-feira (10/11), que era para ser embalada por boas doses de caipirinha, terminou na delegacia para um jovem de São José dos Pinhais, na Região Metropolitana de Curitiba. O rapaz encomendou três drinks de limão e enviou o comprovante de transferência do Pix para o restaurante, entretanto, a empresária identificou o golpe e acionou a Guarda Municipal (GM).

“O dinheiro não caiu na conta e ele insistindo, que já tinha feito, tinha dado baixa na conta. Demos um zoom e conseguimos identificar que o comprovante era falso”, relatou a proprietária do estabelecimento.

Diante da ocorrência, a empresária mandou o motoboy para a residência do cliente, porém, uma viatura da Romu (Rondas Municipais de São José dos Pinhais) acompanhou a entrega e prendeu o suspeito.

“Conseguimos chegar no mesmo instante e fazer a prisão em flagrante, deste crime que é difícil, de estelionato. É difícil conseguir fazer a prisão em flagrante, demos êxito e agora ele vai responder pelos seus atos”, comentou o agente Strombech.

Aos agentes, o rapaz chegou a declarar que foi a primeira vez que tentou aplicar o golpe do Pix. “Diz que é a primeira vez que ele praticou esse crime e já caiu”, completou o agente.

A orientação é que os estabelecimentos confirmem a transação no extrato bancário, assim como fez a empresária de São José dos Pinhais. Apesar de ter evitado um golpe, a proprietária do restaurante ficou bastante indignada. 

Fonte: Ric mais

Anuncie aqui